El Corte Inglés oferece imóveis emblemáticos aos bancos credores

3 JUNHO 2013

O El Corte Inglés deverá oferecer aos bancos seus credores imóveis emblemáticos, como o dos Preciados, como garantia, no âmbito do seu processo de refinanciamento da dívida, avaliado em cinco mil milhões de euros.

De acordo com o El Confidencial, as entidades credoras já comunicaram isto mesmo ao grupo espanhol, como garantia para o alargamento dos prazos de pagamento. As entidades que iniciaram as negociações para a reestruturação da dívida do El Corte Inglés são o Santander, BBVA, Caixabank, Popular, Sabadell e Bankia

Esta é a primeira vez que o El Corte Inglés não consegue auto financiar-se através do seu próprio “cash flow”. Até ao momento, nunca tinha ficado a dever à banca. Fontes próximas do processo explicaram ao El Confidencial que os credores estão dispostos a concluir rapidamente este processo, já que se trata de uma empresa cujo volume de negócios atingiu os 15.778 milhões de euros em 2011.