“Vá lá, Portugal merece!”

24 SETEMBRO 2014
“Vá lá, Portugal merece!” é um movimento que visa valorizar Portugal, os portugueses e tudo o que é português.

Lançado pela Altronix, uma das maiores empresas nacionais a operar na distribuição, comercialização e suporte de soluções nas áreas de identificação de pessoas, codificação de produtos e mobilidade empresarial, “Vá lá, Portugal merece!” procura, numa primeira fase, mobilizar clientes, fornecedores e instituições para esta iniciativa, posteriormente, abrir o movimento ao público em geral.

A primeira iniciativa deste movimento pretende, através de um vídeo promocional, incentivar o consumo de produtos “made in Portugal”, no sentido de estimular a economia portuguesa e criar empregos. O vídeo foi disponibilizado, recentemente, no Facebook e no Youtube e apela à compra de produtos portugueses. O vídeo é protagonizado por crianças e adolescentes dos dois aos 18 anos, familiares dos colaboradores da Altronix que, durante cerca de dois minutos, respondem a várias questões relacionadas com a qualidade dos produtos portugueses e a forma de identificar que são produzidos em Portugal. “Esta é a primeira das várias ações que queremos dinamizar, no sentido de promover o nosso país e os portugueses. Queremos que este movimento ganhe dimensão e, por isso, queremos associar o maior número de entidades e instituições possíveis a esta iniciativa. Queremos que nos ajudem a partilhar esta mensagem, de que Portugal vale a pena. O próximo vídeo, por exemplo, terá como objetivo demonstrar as potencialidades da mão de obra portuguesa”, explica Rui Fonseca, impulsionador do movimento e diretor executivo da Altronix.

Estudos recentes demonstram a recetividade dos portugueses para a compra de produtos “made in Portugal”. De com a GfK Metris, 40% das pessoas preferem comprar produtos frescos portugueses e não importados, devido à sua maior qualidade (71%) e frescura (30%) e porque, deste modo, ajudam a economia nacional (43%).

Vários especialistas afirmam, ainda, que bastaria que cada português substituísse em somente 100 euros mensais as compras de produtos importados, por produtos fabricados no país, para que o problema de falta de crescimento económico de Portugal ficasse resolvido. Para a indústria representaria, só por si, um acréscimo superior a 12 mil milhões de euros por ano, ou seja, uma verba equivalente à da construção de um novo aeroporto de Lisboa e respetivas acessibilidades, a cada três meses.

Veja aqui o primeiro vídeo do movimento “Vá lá, Portugal merece!”: