GS1 atinge os 15 milhões de artigos registados

29 SETEMBRO 2014
A GS1 Internacional, organização não-lucrativa que lançou os códigos de barras no nosso país há quase 30 anos e internacionalmente há mais de 40, atingiu os 15 milhões de artigos referenciados.

O Registo Global GS1 é um diretório do tipo “páginas amarelas” que permite às empresas a sincronização global de dados de produto normalizados (nas cadeias de valor internacionais) com os seus parceiros de negócio, sendo uma das ferramentas principais da GS1 GDSN (Rede Global de Sincronização de Dados).

Quando a GDSN surgiu em 2004, existiam apenas 74 mil artigos no Registo Global, partilhados entre os parceiros de negócio de 13 países. Atualmente, são mais de 25 mil empresas, em mais de 150 países e numa diversidade ampla de sectores. “O GDSN é ainda utilizado para criar valor em novos processos de negócio, demonstrando que – até por questões de legislação e legais – os utilizadores da sincronização de dados globais estão a adotar os Standards GS1”.

Desde que atingiu o marco dos 10 milhões de artigos em 2012, a GS1 assistiu a um crescimento significativo na sincronização de dados globais em sectores como a Saúde, com perto de 1 milhão de artigos no Registo Global, essencialmente em dispositivos médicos – no quadro de um diploma sobre Identificação Única de Dispositivo, imposto pelas autoridades norte-americanas (FDA, Food and Drugs Administration).

Segundo a GS1, “as organizações que implementaram esta tecnologia registaram melhorias no time‐to‐shelf e tornaram substancialmente mais eficientes os seus processos logísticos, contabilísticos e de apoio ao cliente por reduzirem o número de disrupções na cadeia de valor com informação de produto precisa”.

A GS1 espera assistir a um crescimento generalizado no uso do GDSN em diversas indústrias, como Saúde, Retalho, Food Service, entre outras. Nesse sentido, estima ainda um aumento na procura de dados relacionados a entrada de produtos no mercado, incluindo instruções de transporte, atributos de rastreabilidade, informação nutricional, obrigações regulamentares e classificação.