Metade da produção vinícola nacional em 19 concelhos

14 JUNHO 2013

Metade da produção vinícola do país é realizada em apenas 19 dos 308 concelhos, revelam os dados do INE disponíveis no sistema de geomarketing Sales Index da Marktest.

Em 2011 produziu-se em Portugal cerca de 5,5 milhões de hectolitros de vinho. Deste volume, 48,7% é Vinho de Qualidade Produzido em Região Determinada, 23,5% é Vinho Regional e 27,8% Vinho de Mesa. Maioritariamente produzem-se vinhos tintos, que nesse ano representaram 63,1% do volume total. Os brancos representaram 27% e os licorosos 9,9%.

Por regiões agrícolas, Ribatejo e Oeste foi responsável por 27% da produção, Trás-os-Montes por 24%, Alentejo por 18%, Entre Douro e Minho por 15%, Beira Litoral por 10% e as restantes regiões do país por 5%. Torres Vedras foi o concelho responsável por um maior volume de produção vinícola. Os 323,5 mil hectolitros produzidos representaram 5,9% do volume total. Reguengos de Monsaraz foi o segundo concelho com maior produção, de 4,2% do volume global, cabendo a Alijó a terceira posição, responsável por 3,9% do volume anual. São João da Pesqueira, Alenquer, Almeirim, Anadia, Palmela, Lamego e Redondo completam a lista dos 10 concelhos com maior produção vinícola em 2011.