Carrefour vende 10% da filial brasileira a Abilio Diniz

6 JANEIRO 2015
O Carrefour vendeu, por 525 milhões de euros, 10% da sua filial brasileira à empresa de investimentos Peninsula, presidida por Abilio Diniz.

Recorde-se que o empresário brasileiro foi anteriormente sócio do Casino no país mas as relações degradaram-se quando contactou com o Carrefour para fundir as filiais locais. Em 2012, acabou por cedero controlo do Pão de Açúcar, herdado do seu pai, antes da saída definitiva em 2013.

Com esta aquisição de capital, Abilio Diniz, que já detinha cerca de 3% da filial brasileira do Carrefour, obterá assento no Conselho de Administração. Georges Plassat, diretor executivo do Carrefour, considera que o empresário é “o melhor sócio para acompanhar o crescimento do grupo”, numa altura em que celebra 40 anos de presença naquele mercado. “O acordo que celebrámos demonstra claramente o nosso compromisso de longo prazo no Brasil”, sublinha o CEO do grupo francês.

Esta ampliação de capital poderá representar um primeiro passo no sentido da cotação bolsista para a filial brasileira do Carrefour, no sentido de sustentar o seu crescimento futuro. O mercado brasileiro é o segundo para o grupo retalhista, a seguir ao francês, o seu mercado doméstico, com um volume de negócios de 10.200 milhões de euros em 2013. O Carrefour pretende renovar e ampliar o número de lojas, sobretudo no formato de proximidade, e relançar as suas atividades de comércio online.