Vendas da Jerónimo Martins crescem 7,2% em 2014

15 JANEIRO 2015
As vendas da Jerónimo Martins alcançaram os 12,7 mil milhões de euros em 2014, segundo o comunicado da empresa à CMVM. O grupo cresceu, assim, 7,2% face à faturação de 2013.

O Pingo Doce concluiu o exercício de 2014 com as vendas a crescerem 1,7% para os 3,23 mil milhões de euros. Na Polónia, que representa 66,5% das vendas (em 2013 a sua representatividade no universo do grupo era de 65,1%), a Biedronka faturou 8,43 mil milhões de euros, mais 9,5% que em 2013, e a Hebe 87 milhões de euros. Na Colômbia, por seu turno, as vendas da cadeia Ara alcançaram os 66 milhões de euros.

No segmento grossista, a Recheio registou vendas de 799 milhões de euros, perdendo 0,7% face a 2013.

De acordo com os dados preliminares, o negócio nacional sofreu o impacto da deflação no mercado alimentar, sobretudo no segundo e terceiro trimestres. Este efeito de queda dos preços na alimentação estendeu-se ao negócio na Polónia, onde o crescimento like-for-like recuou 0,8% em valor.