CEO da Morrisons afastado após anúncio de encerramento de lojas

21 JANEIRO 2015
O conselho de administração da Morrisons decidiu o afastamento do diretor executivo, Dalton Philips, no seguimento do anúncio do encerramento de 10 lojas.

Dalton Philips, que era diretor executivo da cadeia britânica há cinco anos, irá manter-se em funções até à publicação dos resultados em março. Caso não seja encontrado um substituto, a Morrisons irá equacionar opções interinas.

A decisão de substituir o diretor executivo coincide, também, com o anúncio de que a Morrisons foi o operador de retalho britânico com o pior desempenho no último Natal. No período de seis semanas terminado a 4 de janeiro, as vendas numa base comparável, excluindo as de combustível, caíram 3,1%. A empresa confirmou também o encerramento de dez lojas não rentáveis ao longo deste ano. São 10 pequenos supermercados que dão emprego a 409 pessoas. A empresa já avançou que vai procurar colocar o maior número possível destes colaboradores noutras áreas de negócio.