Rolha de cortiça agrega valor ao vinho

3 FEVEREIRO 2015
Uma pesquisa recente, realizada pela Conecta, em conjunto com o Ibope, indica que os consumidores de vinho em São Paulo vêm a qualidade do fechamento proporcional à qualidade do vinho.

Se um vinho é fechado com rolhas de cortiça, o consumidor tende a percebê-lo como de maior qualidade, em comparação com vinhos com outros tipos de fechamento, como rolhas de plástico ou as tampas de rosca (screw cap)”, afirma em comunicado.

A maioria também considera o vinho selado com rolha de cortiça como de maior qualidade, sendo que o consumidor está disposto a pagar entre 13 e 15 reais a mais por um vinho cuja rolha seja de cortiça natural. O consumidor acredita, inclusive, que ela ajuda a preservar melhor o sabor do vinho. Segundo a pesquisa, 80% do total de entrevistados acreditam que os vinhos nobres exigem a selagem com rolha de cortiça natural.

A sustentabilidade é uma outra questão relevante para 50% dos pesquisados. Esse dado é extremamente relevante, pois há uma tendência cada vez mais crescente quanto à conscientização ambiental na população. A cortiça é um recurso natural, não poluente e renovável.