Crescimento do “discount” na Alemanha em ritmo mais lento

4 FEVEREIRO 2015
No berço do “discount”, a Alemanha, o crescimento das vendas destes operadores começa a dar notas de desaceleração, segundo os dados da GfK.

De acordo com a consultora, nos primeiros 11 meses de 2014, as receitas dos “discounters” caíram 1,4%.

Na base deste desempenho estão, segundo a GfK, as significativas reduções de preços praticadas pelos operadores ao longo do ano passado, que, em contrapartida, não se traduziram num maior número de clientes nas lojas ou de vendas, uma vez que a concorrência reagiu rapidamente no ajuste dos preços.