Vendas de tablets caem pela primeira vez

11 FEVEREIRO 2015
As vendas mundiais de tablets caíram 3,2% no último trimestre de 2014, segundo dados da IDC.

Esta é a primeira descida nesta categoria de produto desde 2010, ano em que os tablets apareceram em força no mercado. Nos últimos três meses do ano, venderam-se 76,1 milhões de tablets e equipamentos híbridos.

No total do ano, as vendas cresceram 4,4%, atingindo um total de 229,6 milhões de unidades. Na opinião dos consultores da IDC, esta categoria continua a ser uma das mais importantes para a indústria tecnológica, graças aos lançamentos da Apple e da Samsung, as marcas que lideram este mercado.

As previsões da IDC para 2015 são no sentido positivo, não obstante a queda observada no final do ano. A consultora apoia-se nas novas propostas, como o novo sistema operativo da Microsoft, o lançamento de modelos de maior dimensão, as soluções orientadas para a produtividade e inovações como o controlo gestual.