Coca-Cola ganhou menos 17,3% em 2014

Coca-Cola

25 FEVEREIRO 2015
Apenas a Europa escapou aos maus resultados da Coca-Cola em 2014, com um crescimento de 4%. A multinacional de bebidas manteve a tendência negativa e encerrou o exercício passado com lucros no valor de 6.286 milhões de euros, 17,3% menos que em 2013.

As vendas desceram 1,8%, para os 40.736 milhões de euros, não obstante os volumes tenham aumentado 2%. O último trimestre foi particularmente negativo para a Coca-Cola, que viu os lucros destes três meses encolherem 55%, para os 682 milhões de euros, e a faturação baixar 1,5%, para os 9.628 milhões de euros.

Para Muhtar Kent, presidente e CEO da empresa, 2015 será um ano de transição, “já que demorará algum tempo até que se materializem os benefícios das iniciativas estratégicas anunciadas no último ano”. Não obstante, "a empresa permanece focada na aceleração do seu crescimento e no aproveitamento de oportunidades que permitam consolidar a sua posição de mercado".