Amazon equipa os seus camiões para impressão de produtos de marca própria em 3D

Amazon

12 MARÇO 2015
Parece que, para a Amazon, poder entregar os produtos em apenas 30 minutos, com o recurso a drones, não é o suficiente. A gigante do “e-commerce” começou a equipar os seus camiões com impressoras 3D para a impressão de produtos de marca própria.


Segundo a Amazon, o objetivo é estabelecer um sistema para impressão tridimensional a pedido, a partir dos próprios camiões, de forma a que estes produtos cheguem ainda mais rápido aos clientes. Para tal, a multinacional tem vindo a patentear várias aplicações, de forma a permitir que os clientes possam encomendar os produtos e tê-los entregues mais rapidamente, assim como garantir que não existem ruturas de stock. “O lapso de tempo entre a receção da encomenda e a sua expedição pode reduzir a satisfação do cliente e afetar as receitas”, sublinha a Amazon. “De igual modo, um marketplace eletrónico pode considerar conveniente reduzir a quantidade de stock armazenada”.

A celeridade das entregas tem estado no cerne da estratégia da Amazon nos últimos anos. Para além da instalação de uma grande rede de armazéns nos centros urbanos, a multinacional está a desenvolver a sua própria rede de expedição. Em 2013, registou a patente para as entregas em antecipação, um sistema que começa a entregar as mercadorias ainda antes dos clientes as terem comprado, baseando-se no conhecimento recolhido sobre os mesmos e que, de acordo com a Amazon, lhe permite antecipar as suas necessidades.