Churchill’s cresce 25% em volume de negócios

2 ABRIL 2015
A Churchill’s atingiu no ano passado um crescimento de cerca de 25% no seu volume de vendas, o que mostra que continua focada no seu desenvolvimento, a nível nacional e internacional. Em relação ao ano anterior, 2013, este valor mostra uma evolução de vendas de 68%.

Maria Emília, diretora de vendas e marketing da Churchill’s, sublinha que “este crescimento é muito importante porque foi registado no nosso portfólio normal de vinhos, ou seja, não se pode comparar com a venda em primeur do Vintage 2011 que se refletiu nas vendas do ano 2013.” Já Portugal “representa 22% das vendas totais da Churchill´s.

Os mercados europeus e americano foram os que mais se destacaram neste crescimento dos vinhos da Churchill’s. “Canadá, Alemanha, Suécia, Reino Unido e Estados Unidos foram alguns dos países que mais cresceram em 2014. No entanto, os mercados do Brasil, Portugal, UK e USA representam a força motora das vendas com 50% do total das vendas.

Segundo a diretora, a nova estratégia “define-se por uma maior pro atividade junto dos mercados, uma maior aproximação ao consumidor final, o lançamento de produtos e ações inovadoras (por exemplo as garrafas personalizáveis de 20cl), a inauguração do novo espaço "al fresco" em 2014 e a pop up bar em Londres. Neste sentido, importa destacar o nosso Centro de Visitas em Vila Nova de Gaia que foi o primeiro passo na redefinição desta estratégia e que contemplou a remodelação das nossas instalações.”

Com um número de visitantes a ultrapassar as 8 mil no ano transato, o Centro de Visitas da Churchill´s tem recebido ao longo dos anos pessoas de várias partes do mundo como França, Espanha, Reino Unido, Estados Unidos, Brasil e Portugal.

Maria Emília Campos revela ainda que “o objetivo para os próximos cinco anos é de um crescimento na ordem dos 20% anuais.