Unilever quer mais embalagens de origem sustentável até ao final do ano

15 ABRIL 2015
A Unilever, empresa que produz e comercializa marcas como Magnum, Dove e Hellman’s, anunciou uma nova política de abastecimento para combater a desflorestação. Como resultado, mais embalagens da Unilever serão de origem sustentável até ao final deste ano.

Segundo o comunicado da Unilever, “o objetivo da Companhia é garantir que todos os materiais que contenham fibra proveniente da madeira sejam rastreados por fontes certificadas e devidamente reconhecidas até 2020. Em 2014, o volume de papel e cartão de origem sustentável registou um crescimento significativo de 87%, comparativamente com os 62% do ano anterior. Por esta razão, a Unilever está perto de concretizar a meta de adquirir todas as embalagens de papel e cartão de forma sustentável até ao final de 2015".

A nova política de abastecimento de fibras de madeira irá contribuir para que a Unilever acabe com a desflorestação em supply chain. Também irá contribuir na implementação do Programa de Abastecimento Responsável da Unilever, que tem por base o seu compromisso em aumentar o impacto social ao longo de toda a cadeia de fornecimento, melhorando a vida dos colaboradores e das suas comunidades”, acrescenta a Unilever.

Um estudo realizado pela Unilever em 11 países revela que ¾ dos consumidores se sente mais motivado a adquirir um produto com ingredientes de origem sustentável e, de acordo com a Consultora Nielsen, esta nova geração é quatro vezes mais recetiva às credenciais de sustentabilidade do que pessoas com mais de 50 anos.