Vinhos do Alentejo promovem ações de formação em Angola

18 JUNHO 2014
A CVRA – Comissão Vitivinícola Regional Alentejana promoveu, no início deste mês, ações de formação dirigidas a profissionais de 32 dos melhores restaurantes das cidades angolanas de Luanda, Lobito e Benguela. Manuel Moreira foi o escanção português escolhido para ministrar estas ações de formação.

A aposta em ações de formação sobre vinhos alentejanos justifica-se pelo facto de Angola estar no top dos mercados importadores de Vinhos do Alentejo fora da União Europeia. O Alentejo é, aliás, a principal região de Portugal exportadora de vinhos para Angola. Dados de 2013 dos Vinhos do Alentejo apontam para 4.451.664 litros de vinho certificado exportado, o que corresponde a um aumento de 14% em relação ao ano de 2012.

Incluídas no Plano de Atividades da CVRA para o ano de 2014, estas formações tiveram como objetivo o reforço da notoriedade dos Vinhos do Alentejo, bem como dar a conhecer de forma didática a região do Alentejo e suas características específicas, nomeadamente castas e terroir, através de provas comentadas que fizeram parte do programa e o aprofundamento do conhecimento e tendências do mercado angolano.

De salientar ainda que o Alentejo é a região líder no mercado nacional – quer na quota de mercado em volume (43,1%) quer em valor (44,3%), segundo os dados Nielsen, na categoria de vinhos engarrafados de qualidade com classificação DOC e IG. Os Vinhos do Alentejo juntam 263 produtores e 97 comerciantes numa área total de vinha de 21.970 hectares, sendo que a área total de vinha aprovada para DOC Alentejo é de 11.371 hectares.