Exportações de vinho mantêm subida em 2014

5 MAIO 2015
Segundo o estudo Setores Portugal “Vinho” publicado pela Informa D&B, tem-se verificado um crescimento contínuo das vendas de vinho português nos mercados externos. As exportações situaram-se perto dos 730 milhões de euros em 2014, face a 582 milhões contabilizados em 2009, o que tem originado um aumento significativo do superavit da balança comercial do sector.

Cerca de 65% das exportações corresponde a vinhos com DOP – denominação de origem protegida, destacando-se o vinho do Porto, com uma participação sobre o valor total próxima dos 45%.

A UE é o destino de perto de 55% das vendas ao exterior, sobressaindo França e Reino Unido como os principais mercados.

O volume de produção provisório de vinho na colheita 2014-2015 situou-se em 5,9 milhões de hectolitros, o que representa um decréscimo de cerca de 5% face à colheita 2013-2014, em que tinha diminuído 1,1%.

A superfície vitivinícola em Portugal tem seguido nos últimos anos uma tendência de redução. Em 2013 situou-se em 224.000 hectares, o que significa menos 2,9% do que no ano anterior e um retrocesso de 6% face a 2005.

O número de empresas com atividade no sector, por seu lado, tem crescido no período 2010-2013, alcançando no último ano as 823, enquanto o volume de emprego gerado mantém-se perto dos 8.000 trabalhadores. Cerca de 75% das empresas emprega menos de 10 pessoas e apenas perto de 25 têm mais de 50 trabalhadores.