Fábrica da Unicer em Angola pode arrancar este ano

16 MAIO 2013

O CEO da Unicer, António Pires de Lima, acredita que o projeto industrial da cervejeira portuguesa em Angola arranque ainda este ano. Ideia avançada na conferência de imprensa para apresentação dos resultados de 2012, em que o responsável relembrou que havia "dois impedimentos para a concretização do investimento", nomeadamente, a aprovação do dossier de financiamento e dos restantes sócios para avançar. Recorde-se, que o investimento é conduzido por uma sociedade em que a Unicer detém 49% do capital.

Mesmo que o projeto arranque este ano nunca estará em pleno funcionamento “antes do final de 2015”. No radar da cervejeira está também Moçambique, mercado que consome 200 milhões de litros de cerveja por ano.

Em relação aos restantes mercados externos, Pires de Lima disse que "vale a pena investir" em Moçambique, à semelhança do que foi feito em Angola, sendo um país que consome atualmente 200 milhões de litros de cerveja.