Frequência de compra cai 3,5% nos bens de grande consumo

9 JULHO 2014
A mais importante mudança no comportamento de compra do “shopper” português no FMCG, no primeiro semestre, é a redução da frequência de compra em 3,5%., só em parte compensada com um ligeiro aumento no tamanho da cesta média, em 1,2%, informa a Kantar Worldpanel.

Conclui ainda a mesma fonte que o primeiro semestre de 2014 encerra com resultado negativo, no volume total comprado pelos lares portugueses, com uma queda de 1,5% relativamente ao ano passado. Recorde-se que no mesmo período de 2013 já tinha ocorrido uma das maiores reduções do volume comprado.
 
No entanto, as últimas quatro semanas do semestre apresentam algum crescimento (0,4%) no volume comprado pelos lares, um sinal positivo do mercado. Os próximos meses, principalmente o verão, vão confirmar-nos se estamos, ou não, num ponto de inflexão do desenvolvimento do mercado FMCG.