E.Leclerc espera terminar o ano em Espanha com -5,5%

29 MAIO 2013

O E.Leclerc reconheceu que o primeiro trimestre foi muito difícil no mercado espanhol, pelo que antecipa uma queda do seu volume de negócios na ordem dos 5,5%.

Numa entrevista à infoRETAIL, Patrick Rigault, presidente do E.Leclerc em Espanha, avança ainda que estes resultados até são melhores que os previstos globalmente para o sector dos hipermercados no país.

Em Espanha, o retalhista francês possui 18 lojas, responsáveis por um volume de negócios de 500 milhões de euros, mesmo assim superior ao conseguido em Portugal (420 milhões de euros) com mais dois pontos de venda.

Patrick Rigault espera que as vendas de produtos de grande consumo estabilizem, mas antecipa um forte recuo no não alimentar. De tal forma que, para recuperarem, os hipermercados poderão ter de desenvolver novos serviços, nomeadamente convertendo-se em pontos de recolha das encomendas feitas à Amazon.