Portugal com o maior aumento nas vendas a retalho em julho

3 SETEMBRO 2014
Portugal, com um crescimento de 2,6%, protagonizou o maior aumento das vendas no comércio a retalho em julho e contrariou a tendência negativa observada tanto na Zona Euro como na União Europeia. Um aumento que acontece após a queda de 1,9% em junho face a maio.

Na comparação anual, Portugal registou uma subida de 1,1% (em junho tinha caído 0,6%), a Zona Euro cresceu 0,1% e o conjunto dos 28 países da União Europeia aumentaram 1%.

Os dados do Eurostat justificam a queda de 0,4% em julho na Zona Euro com o recuo de 0,6% no volume de vendas no sector da alimentação bebidas e tabaco e de 0,2% no sector não alimentar. Na União Europeia, o recuo é justificado com a descida em todos os sectores. As maiores quedas foram registadas na Áustria (-1,5%), Alemanha (-1,4%) e Suécia (-1,3%).